Web & Graphic Designer | [email protected] | (+351) 918 472 525 - chamada para rede móvel nacional
Mar 17

Tenho uma marca. Como definir uma estratégia de Marketing Digital e porquê?

Nos dias que correm, a internet e as redes sociais são um meio de promoção obrigatório para qualquer marca que se preze. Afinal, o mundo digital ocupa boa parte do tempo livre dos consumidores. Assim sendo, se tens uma marca, precisas de um plano de Marketing Digital para a promover e, neste artigo, traçamos o roteiro a seguir para o concretizar.

Nota: Artigo escrito por Dora Alexandre, Press Hub

Missão: Ir ao encontro dos clientes onde eles estão

Ignorar o marketing digital é como abrir um negócio e não contar a ninguém. Sem dúvida, esta frase da norte americana KB Marketing Agency resume a importância do marketing digital para qualquer negócio. 

Ou seja, sem divulgação, dificilmente os clientes vão aparecer. Desde logo, porque nem sabem que a marca existe, quanto mais tornarem-se clientes.

Antes de mais, em que consiste o marketing digital? Para todos os efeitos, significa aplicar ao mundo digital os princípios do marketing que, de acordo com a American Marketing Association, consiste em «criar, comunicar, entregar e trocar ofertas que tenham valor para consumidores».

Em suma, o marketing digital implica a promoção na internet, com vista a estreitar relações com os (potenciais) clientes e, no limite, converter essas relações em vendas.

Assim sendo, qualquer marca com ambições de sucesso precisa de traçar uma estratégia de Marketing digital. Afinal, a internet e, em particular, as redes sociais tomaram conta do tempo dos consumidores, e é preciso ir ao encontro deles onde estão. Ou seja, no mundo digital. 

Descubra os Segredos para Destacar a Tua Marca nas Redes Sociais!

À conquista do (vasto) Mundo Digital

Se tens um negócio para promover mas não sabes por onde começar, não temas. Em seguida, partilho contigo os passos necessários para construíres uma estratégia de marketing eficaz, de modo a encontrares clientes online.

Regra geral, quando precisamos de encontrar um produto ou serviço, a primeira coisa que fazemos é procurar num motor de busca (leia-se Google e afins). 

Em seguida, o motor de busca apresenta-nos os resultados que considera serem os mais relevantes, de acordo com o algoritmo. A partir daí, fazemos a nossa triagem, e a escolha que nos parece mais adequada.

Por esta razão, qualquer estratégia de marketing deve contar com uma presença online. De preferência, num website. Efetivamente, esta é a tua base digital, que servirá de ponto de encontro com os potenciais clientes. Naturalmente, as redes sociais também são um ponto de encontro, mas não substituem, de modo nenhum, um site institucional.

Naturalmente, a tua presença online deve ser esclarecedora e apelativa, do ponto de vista gráfico e de web design. Nomeadamente, precisa de um logótipo, e de todos os componentes gráficos e de conteúdos que definem a marca. 

Em segundo lugar, é preciso atrair tráfego para o website, para que os clientes possam realizar compras ou contratar serviços. Justamente, é aqui que entra a estratégia de marketing digital. Com efeito, permite gerar tráfego, cativar leads e, se tudo correr bem, conquistar clientes. 

Descobre quem é a tua persona de Marketing Digital

Antes de mais, tens de apurar qual é o perfil do teu cliente-tipo, com o qual pretendes comunicar. Dito de outro modo, quem são as pessoas que terão interesse no teu produto ou serviço, e que poderão tornar-se tuas clientes?

Por exemplo, no caso da minha empresa, em linhas muito gerais, uma das minhas personas é a Maria Santos, com 40 anos, casada e com filhos. É CEO numa agência de marketing digital, e um dos seus objetivos é aumentar o número de clientes.

Desde logo, para apurar quem são as tuas personas tens de estudar bem o mercado em que atuas. A par disso, é importante saber como funcionam as empresas concorrentes. Idealmente, deves aplicar as suas boas práticas, e evitar os erros mais comuns.

Por outro lado, se já tens clientes, eles são, sem dúvida, a melhor fonte de informação. Por conseguinte, há um conjunto de aspetos essenciais que deves investigar. Designadamente, de que forma chegaram até ti? A par disso, quais as suas motivações e necessidades para procurarem o teu produto ou serviço? 

Em suma, tens de conhecer o melhor possível o perfil dos teus clientes – atuais e potenciais – e usar esse conhecimento para ir ao encontro das suas prioridades. Concretamente, deves usar esse conhecimento para dar resposta àquilo que procuram.

Gera tráfego e aplica a técnica do funil

Conforme já referi, qualquer campanha de marketing digital deve atrair leads para o site, onde se realizam as conversões. Ou seja, as compras dos bens ou serviços que tens para oferecer.

Por essa razão é tão importante canalizar tráfego para o site e, de forma mais periférica, para as tuas redes sociais.

Com essa finalidade, deves trabalhar o Search Engine Optimization (SEO) de todos os teus conteúdos. A par disso, há que escolher bem as palavras-chave, conseguir referências de influenciadores e, se possível, investir em tráfego pago.

De modo geral, esta canalização de tráfego é vista como um funil. Por um lado, a parte mais larga do funil corresponde ao primeiro contacto entre a empresa e o cliente. Justamente, pode ser nas redes sociais, ou em pesquisas através de motores de busca.

Assim sendo, é essencial facilitar e maximizar este contacto, ao produzir, disponibilizar e maximizar o alcance de conteúdos que, por sua vez, cativem o potencial cliente. Obviamente, devem ser conteúdos apelativos e úteis, que facilitem a compra do produto ou serviço. Justamente, esta conversão ocorre na parte mais estreita do funil.

Cria a tua Estratégia de Marketing Digital

Para criares a tua estratégia de Marketing Digital, podes conjugar diferentes recursos. Designadamente, o Inbound Marketing, para atrair pessoas para o teu site, ou ainda o Marketing de Conteúdo, com partilha de textos no teu site, nas redes sociais ou mesmo em sites alheios, como convidado. 

A par disso, podes ainda apostar no E-mail Marketing, e contactar diretamente quem se inscreveu na tua base de dados, ou ainda no Social Media Marketing, com foco nas redes sociais. Designadamente, as mais relevantes, como o Facebook, Youtube, Instagram, ou mesmo o TikTok. 

Hoje em dia, também estão muito em voga o Marketing de Influência, com recomendações de pessoas que podem influenciar o teu público, e ainda o Marketing de Afiliados. Neste caso, estabeleces uma rede de parceiros que, por promoverem os teus conteúdos, recebem uma comissão por cada conversão.

A partir destas possibilidades, o passo seguinte é delinear um planeamento detalhado que se ajuste ao teu negócio, com vista à promoção e conversão. No final, há que avaliar o desempenho, e medir resultados, recorrendo a ferramentas como o Google Analytics ou o Google Search Console

De modo geral, criar uma estratégia de marketing digital implica fazer opções e definir um calendário para a implementar. Por exemplo, quais são os meios mais adequados para estabelecer contacto com a tua persona? A par disso, se apostas no marketing de conteúdo, quais os temas sobre os quais vais escrever? E com que regularidade os vais publicar? Quanto vais investir em paid media nas redes sociais?
Ou desenvolver ebooks com informação especializada sobre o tema? 

Sem dúvida, o Marketing Digital é uma área em constante mudança, e por isso é essencial estar sempre a par das novidades. No entanto, importa ter em mente um fio condutor para qualquer estratégia de Marketing Digital: conhecer a nossa persona, ir ao encontro dela e dar resposta às suas necessidades.

Imagens:

1 – Freepik

2 – Unsplash

3 – Pixabay

4 – Pexels

5 – Google Images

Artigos relacionados

Tenho uma marca. Como definir uma estratégia de Marketing Digital e porquê?

Nos dias que correm, a internet e as redes sociais são um meio de promoção obrigatório para qualquer marca que se preze. Afinal, o mundo digital ocupa boa... saber mais →
Tendências de marketing digital para 2024

Em 2024, a inteligência artificial vai moldar o design e o marketing

Em cada início de ano, surgem novas tendências de consumo e, inevitavelmente, de comunicar com os consumidores. Assim sendo, 2024 vai trazer novidades no Marketing Digital, e também... saber mais →

About The Author

Quem sou eu? Olá, o meu nome é Ana Margarida Mota e sou web & graphic designer. Sou uma pessoa pró-ativa e organizada, com um alto senso de responsabilidade e uma rigorosa ética de trabalho, sempre de forma comprometida e motivada.